clique aqui e receba as atualizações do blog em seu email


PARA EMPRESAS AS PALAVRAS MUSICADAS AS OUTRAS PALAVRAS CONTATO HOME


As páginas mais visitadas aqui:

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Feeling da Puta

Como quer ter sucesso quem empreende sem investir em inteligência

Trabalhando há muitos anos diretamente com quem empreende, conheço um fato: Não vi pessimista bem sucedidx na mesma medida que não conheci preguiçosx com empresas que funcionem e dão excelentes resultados.

Publiquei essa reflexão no status do WhatsApp, depois de ler Eclesiastes no capítulo 10, com a pérola
"Se o ferro está embotado, e não se lhe afia o corte, é preciso redobrar a força; mas a sabedoria resolve com bom êxito"; e comecei a receber os feedbacks mais estranhos e poéticos possíveis.

Dentre eles, um que me chamou muito a atenção contava sobre empresas de gente que nem se formou no ensino médio e são um sucesso. Então tive que explicar que "nem só de pão vive o homem"; não estava eu dizendo ali sobre "estudar" no ensino médio ou terminar uma faculdade, para então empreender - Embora julgue, particularmente, um diferencial absurdamente relevante o conhecimento técnico para ilustrar novos caminhos, abrir janelas e solucionar o futuro. Eu dizia sobre estudar-se, estudar o outro e, por fim, estudar seu mercado.

Certa vez fui contratado para "inaugurar" um restaurante, então sentei com o então empreendedor e, dentre as questões fundamentais do briefing que faço, perguntei:
Qual você acredita que será o diferencial do seu restaurante na região? Por qual motivo alguém escolheria entrar em seu restaurante em vez de ir nos outros aqui próximos?
Dentre os vários elogios que fez a si mesmo, disparou que seria o único na região que teria churrasco no self service. Perguntei se ele tinha certeza e o mesmo garantiu que o restaurante mais próximo com churrasco era há cerca de 2 Km e o público-alvo nas cercanias, pedestres de conveniência, não se deslocaria até lá.

Começamos a esmiuçar o projeto e, após a inauguração com uma operação cheia de dúvidas e ignorando minhas orientações técnicas, descobri que ele havia visitado de verdade apenas 1 dos restaurantes à sua volta em raio inferior há 2 Km. Eram quase dez no total e, dentre esses, um localizado na rua atrás de seu próprio estabelecimento comercial tinha churrasco no self service, um ambiente melhor climatizado, maior variedade no buffet e ainda oferecia suco natural cortesia caso o prato passasse de um determinado valor na balança (Self service por quilo). Menos de 1 ano depois fechou as portas.

Traduzindo: Como quer ter sucesso quem empreende acreditando apenas em seu feeling?


Aliás, o "feeling" perdeu bastante de sua importância em uma era de comportamentos complexos e deificação do cliente. Pois, como está em sua própria definição, o feeling é filho da intuição e, na maioria das vezes, inimigo da ciência.

Uma das mais antigas profissões do mundo, a prostituta pode ensinar como empreender; estuda-se, estuda o outro, e estuda seu mercado... E deixa o feeling para a imaginação dos trouxas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Google Analytics Alternative