clique aqui e receba as atualizações do blog em seu email


PARA EMPRESAS AS PALAVRAS MUSICADAS AS OUTRAS PALAVRAS CONTATO HOME


Anuncie no Blog do Alex Pinheiro. Clique aqui!

As páginas mais visitadas aqui:

segunda-feira, 16 de abril de 2012

33 do 1*

"Toda criança deve ganhar um cachorro na primeira infância para, na adolescência, aprender a lidar com as mortes desta vida", disse, deu meia volta, virou a esquina e sumiu. Ela ficou ali, estática, com o maxilar relaxado e a brasa se aproximando do filtro do cigarro. O cheiro de água congelou seu coração. A alaranjada lâmpada do poste escureceu seus olhos. O ouvido, como que vítima da pressão externa quando descemos para a praia, parecia estirado, a ponto de toda informação sonora ser passada para segundo plano na forma de um zunido oco. Naquele momento ela conseguiu perceber os cliques do mudar de cores no semáforo e a brasa do cigarro foi se desmontando como sua inocência, desfazendo-se no mesmo vento que assobiou sua orfandade num outubro azedo explorado pela pior face do jornalismo. O asfalto que tanto condenou por impermeabilizar a cidade e provocar a enchente que levou embora o álbum de fotos da família, serviu para deixar registrada as marcas dos pneus largos e ágeis da noite.

Alex Pinheiro

*Parte de um projeto-sonho; meu livro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Google Analytics Alternative