clique aqui e receba as atualizações do blog em seu email


INÍCIO AS PALAVRAS MUSICADAS AS OUTRAS PALAVRAS ATIVIDADE DIGITAL CONTATO


Publicações mais lidas no Blog do Alex Pinheiro:

segunda-feira, 5 de maio de 2008

Causo de Cozinha

As lâmpadas todas acesas. Um eco musical vindo da sala, em casa que forma corredor passando pela sala de jantar. Corredor transformado pista de corrida pelas crianças, obstáculos aos adultos que, perturbados pela fome, vão e vêm numa inquietude agradável. Casa "perfumada" pelo bife fritando em fogo brando tem cebola picada rodelinha, na frigideira. Tem seis bocas no fogão e umas quinze na cozinha! Gente falando alto e sobre todos os assuntos, fazendo questão de atravessar o papo alheio, com risos contidos ou gargalhadas histéricas.
.
Parte está sentada, outra parte fica de pé mesmo. A cozinha é herança de italianos, mas não é salão de festa! Isso significa que somente os mais velhos ou as mulheres sentam?! Quar qui não! Cozinha é território livre. Senta quem chega primeiro e fica de pé quem é centro das atenções; quem tem alguma novidade bombástica do bairro, da igreja ou até da família mesmo. Sua ausência provavelmente se transformará em assunto.
.
Tem gente sentada até no chão, olhando pra cima crente que os próximos dias serão de chuva: "Ninguém güenta mais esse calor! Jesuis!". Enquanto isso, entre um comentário e outro, não se pode esquecer do bife na frigideira e da água... Quente! "Ah, essas hora já evaporô, mãe!" murmuram os filhos, filhas e "anexos". Isso mesmo! Pois na cozinha tem lugar para os "anexos" também.
.
A água é pra amolecer o macarrão espaguete, que alguns filhos ainda queimam no fogo da frigideira, pra lembrar infância quando aquele macarrão duro, e carbonizado, era uma delícia!
.
O macarrão é quebrado ao meio, para o ódio dos italianos e tradição da família, e jogado na água quase evaporada para ser derrotado. Virará um nada! Um mole! Um fracassado! Uma delícia! Logo após, levado ao escorredor mais alguns minutos o separam do complemento: o molho. Depois o balcão. Sim, pois a janta é servida e saboreada em pé. Ao passo que a balburdia, à essa hora denotava, aos desavisados novos vizinhos, uma festa. Quando irrompendo até a fala mais alta, Miriane, menina de uns quase seis anos, berra com voz que nem é grossa, nem é fina:
.
"Espelho, espelho meu! Diga sem dó! Existe um macarrão mais sem molho que o da minha vó?!". A balburdia triplicou.

música: Ser de Sagitário (Adriana Calcanhotto)

"poder: só entende quem tem", novo artigo aqui: Artigos.com

Alex Pinheiro

22 comentários:

  1. Muito interessante teu blog!Gostei do texto! =)

    ResponderExcluir
  2. Ninguém merece macarrão sem molho!

    ResponderExcluir
  3. Gostei da nova casa!!!!!
    E adoro causos.
    beijo na alma

    ResponderExcluir
  4. Nadja:
    Bom que gostou,,, voltando firmamos laço virtual... Eu adoraria!

    Pedro:
    Ninguém! rs
    E criança não esconde a vida,,, aí foi que encheu a casa de riso,,, rs

    Cecília Braga:
    Obrigado!
    Eu também adoro causos,,, O beijo vou pegar pra acalmar minha alma que ando em precipício, rs

    ResponderExcluir
  5. Gostei imensamente do texto, super bem construído... mas, vou te contá, me deu uma baita vontade de comer uma macarronada...rs

    beijos daqui...

    ResponderExcluir
  6. sao as cotas do cotidiano à literatura, isso que vc faz com molho suculento por aqui.

    brigado, irmão, pela força!

    []´s

    ResponderExcluir
  7. Impossível não ficar com sorriso GIGANTE nos lábios depois de ler seu conto.

    Perfeito!

    ResponderExcluir
  8. Huuum...macarrão que chega dar água na boca...
    (pelo ki eu veju, não está sem molho não...está nítido ali o molho branco...mto melhor ki akele vermelho ki espirra i suja tudu ki está perto!!!)
    Nhaiii, tem akeles ki queimas o macarrão...i akeles COMO EU ki naum sabem nem COMO SI FAZ macarrão...xD

    Haha...Mas eh issu...macarrão pelo mata a fome...não é como uma pizza ou BAURU...em lugares ondi a FARTURA...EH GRAAANDE!!!
    Bjos
    PS: nossa, saudades do seu blog, fazia tempo ki naum passava por aki...

    ResponderExcluir
  9. Hahaha...Macarrão sem molho é realmente triste...rs
    Essas conversas de cozinha são maravilhosas, surgem mil assuntos ao mesmo tempooo...como elas conseguem?rs

    beijão
    adoorei o texto
    Pri

    ResponderExcluir
  10. Porque seus contos familiares lembram tanto as histórias da minha família?
    Ah,,, já sei!

    É O BRASIL....hahaha...

    Minha casa é assim... uma deliciosa e engraçada balburdia, recheada de quitutes e fofocas....

    MARAVILHOSO....como seu texto....

    PS: Típica da Ingrid a gracinha...coitada dessa avó!!!

    ResponderExcluir
  11. Que delícia de texto, com gosto de domingo!

    ResponderExcluir
  12. odeio macarrão cortado ao meio affff----> a assassinar o esparguete mesmo, sem dó nem piedade.
    A foto apresentada tem bom aspecto, hummmm atée parece que foi cozinhado por mimm esse prato.
    Quar qui não! :) :)
    Ah, Alex, sabe o que vai acompanhar essa refeição???? ÀGUA!!
    rsrsrsrs
    beijs
    a.
    http://miniminimos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Sou de origem italiana né, então isso me soou muito familiar rsrsrs

    E fiquei meio nostalgica, lembrando dos almoços na casa da minha tia...

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Agradavél texto.
    Muito bem feito :)
    Gostei daqui..
    E agora eu quero macarrão, rs* :*

    ResponderExcluir
  15. Camilinha:
    haha,,, macarronada tem dia, né!? Bom, fico feliz de terdes lido bem construído,,, o texto... Obrigado!

    Múcio L Góes:
    Que seja suculento, então! rs
    Valeu, irmão escritor!

    BABI SOLER:
    Ah, que bom, Babi!
    Muito bom ler seu comentário expressando o sorriso que pretendia nos outros,,, muito bom!

    Vanessa:
    A imagem, Kacau, é controponto do texto,,, tinha esse propósito mesmo. E, particularmente, prefiro o vermelho que espirra, suja e realça o contato com um prato que admiro de beleza e gosto pouco de paladar, rs
    "Não,,, é que aqui tem fartura!" rrsrs

    Pri:
    Todos conseguem! rs
    Basta ser, ou estar, italiano,,, rs

    kelly:
    Viajei na Ingrid fabricando a cena,,, hahaha... Obrigado pelas palavras elogiosas! Valeu!

    moacircaetano:
    Bem domingo, não?!

    * hemisfério norte:
    Tenho conhecimento desses que dizem os europeus odiar o "assassinato" do espaguete,,,, rsrs
    Nhá, água não acho o acompanhamento perfeito, não! rs

    Jana:
    Bem isso, Jana!
    Acontece com freqüencia em casa,,, ainda! E eu amo! rs

    Nanita:
    Venha mais vezes fomentar a letra, Nanita,,, serás bem vinda!

    Obrigado, a todos, que passando não se conteram deixando um pedaço de si. Valeu!

    ResponderExcluir
  16. , sabe que na cozinha é um dos melhores lugares para conversar e beber...
    , ausência que se transforma em assunto. é estar presente de qualquer forma...
    , estou um bocado rebelde e livre? sempre.
    , abraços meus.

    ResponderExcluir
  17. Pedro Pan:
    E vem dos italianos que, morando em colônias, esquentavam a noite próximo do fogão à lenha,,, Muito bom né?!

    Dizia da liberdade quanto à sua escrita mesmo,,, de que tens uma métrica própria,,, que mudou. Interpretei rebeldia consigo mesmo! rs

    Valeu, Pan!

    ResponderExcluir
  18. com molho ou sem molho me bateu uma fome agora, abraço

    ResponderExcluir
  19. Pode me servir um a moda da casa?

    Beijos*

    ResponderExcluir
  20. Ótimo, foi ótimo eu ter lido esse post hoje. Porque hoje, exatamente agora, acabo de sentar aqui porque fiz um macarrão tão ruim que nem meu cachorrinho não quis comer. O macarrão era pra 3 pessoas [eu, minha vó e meu vô, porque meu marido hoje almoça no trabalho], e eu fiz pra umas 10, e molho pra duas. Pffffff...

    Maior desastre! Se eu tiver que virar cozinheira, morro de fome.

    Beijocas
    www.lizziepohlmann.com

    ResponderExcluir
  21. Olá, apesar de naum ter ganho parabéns de ti, no dia de meu niver (nhai, nem minha vó flou tb) =/
    Mas inton, sou diferente e não guardo rancor das pessoas...xD
    Inton vim aki flar (pq vc eh ANTI ORKUTEIRO, tem ki deixar recadEnhus aki mesmo) Vim aki falar...
    PARABÉNSSSSSSSSSSSSS \o/
    ---> Felicidades
    ---> Saúde
    ---> Sucesso
    ---> Trampo (muitos aliás)
    ---> Money...money...money...
    ---> Mulheres
    ---> Mais saúde
    ---> Conquistas...
    Nhai, enfim TUDU DI BOUM, pois tu merece!!!
    Ki Deus sempre ti abençoe e ti guarde...(e tds essas coisas ki o povo sempre fala neh) xD
    Parabéns Garoto ESPECIAL (dããã) HSAUhsua =)
    Bjaao

    PS: Apesar disso ter sido uma alienação, naum deixei isso lah no METE O PÉ...pq axei ki fosse um recado especial, onde deveria ser deixado AKI. Tah ok? Chatosildo!!!
    Haha

    Kacau da Silva Sauro. xP

    ResponderExcluir

a imagem-título é uma invenção de Mariah

 
Google Analytics Alternative