clique aqui e receba as atualizações do blog em seu email


INÍCIO AS PALAVRAS MUSICADAS AS OUTRAS PALAVRAS ATIVIDADE DIGITAL CONTATO


Publicações mais lidas no Blog do Alex Pinheiro:

segunda-feira, 28 de maio de 2007

O Enterro de Gupérnico Moura

.

E ele ali
Assentando o último tijolo
Não da casa para a vida,
Mas o último tijolo
Da minha última moradia

Depois de tudo isso posto.
Qual o motivo que te evitou afastar de mim
Esse encosto
Se não cai no gosto
Do último verme envolto
Pela sandice do povo?!

Tudo isso posto
Por quê não afasta de mim esse gosto
Pelo cálice verminoso,
Que me pôs nu
Em monte de ossos,
Flertando minha alma com um cheiro tosco
E um toque grosso?!
Não! Ele estava ali insistindo em concretar as lágrimas
De minha última moradia.
Ó maldito coveiro que riu minha vida!
Ó maldito!
música:Boas Novas(Cazuza)
.
Alex Pinheiro

6 comentários:

  1. O dia que eu entrar nesse blog e tiver algo q n tenha relação com a morte eu comento direito!!!

    Pq morte se a vida ta tao boa???
    (pergunta ao dono do blog)

    Ai.. ai.. so esse leke msm!!!

    Passe bem!!!
    KKKKKKKKKKK ;P

    ResponderExcluir
  2. Ludy, como sempre, certa!
    Que funebre.....

    Pq tanta morte?
    AJSijAIJSij!

    Ai ai...
    Eu, felizmente, to num dos momentos perfeitos da minha vida!

    E vc? [rs]

    Espero que siM!

    AOSpokAPOSKpOKASPOK!
    Nos falamos!
    Abraço
    ^^'

    ResponderExcluir
  3. Estás muito mórbido, camarada... A morte é realmente inquietante mas, o pensamento estando desviado dela, tudo corre melhor...

    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  4. Estou a falar da morte a propósito do meu estado de espírito no momento,,, sou assim: estou mto feliz e acabo escrevendo isso ae...
    Posso lembrar tbm que digo de Gupérnico Moura: sargento aposentado que naum deixou herança a ninguém e já não está mais entre nós...

    ResponderExcluir
  5. A felicidade arrasta a morte? Então está bem :-)

    ResponderExcluir

a imagem-título é uma invenção de Mariah

 
Google Analytics Alternative